Nenhum resultado foi encontrado.
Confira os termos da sua busca e tente novamente.


Abaixo, alguns dos itens mais buscados:

Ops! Parece que algo saiu errado.
Ocorreu um erro ao fazer a busca.
Por favor, tente novamente em alguns instantes.
Mais buscados
Uma mão toca um piano bem de perto.

Voltar

Temporada Osesp: Câmara

Compartilhar
contrabaixo
violino
baixo-barítono
violoncelo
mezzo soprano
Ricardo Ballestero
piano
Horácio Gouveia
piano
Local: Sala São Paulo
Data: dom., 16 de junho de 2024
Horário: 18:00
Duração: min.
Preço: R$ 39,60 a R$ 132,00
Adicionar ao calendário

Programa

VALQUÍRIA GOMES soprano ANNA CAROLINA MOURA soprano MARIANA VALENÇA mezzo soprano LUIZ GUIMARÃES tenor ISRAEL MASCARENHAS baixo RICARDO BALLESTERO piano

OSVALDO LACERDA Fuga saudosa [Texto de Bastos Tigre] OSVALDO LACERDA O estrangeiro [Texto de Guilherme de Almeida] OSVALDO LACERDA Pensamentos [Textos de diversos autores] OSVALDO LACERDA Ponto de Mãe Sereia [Texto popular de umbanda] LUCIANO GALLET Taieiras LUCIANO GALLET O luar do Sertão [Letra de Catulo da Paixão Cearense] EDMUNDO VILLANI-CÔRTES Choro EDMUNDO VILLANI-CÔRTES A sessão da câmara

CAMILA YASUDA violino ANDRÉ FERREIRA RODRIGUES viola HELOÍSA MEIRELES violoncelo ANA VALÉRIA POLES contrabaixo HORÁCIO GOUVEIA piano

JOÃO GUILHERME RIPPER From my window nº 3 [Da minha janela] AMARAL VIEIRA Quinteto para piano, Op. 297 – Fronteiras

A música brasileira dos séculos XX e XXI está em foco no segundo concerto de câmara da Temporada. A primeira parte é dedicada a obras para piano e pequenos conjuntos vocais, de autoria do paulistano Osvaldo Lacerda, do carioca Luciano Gallet e do mineiro Edmundo Villani-Côrtes. Já na segunda, a voz cede lugar à música instrumental para piano e cordas, com peças do carioca João Guilherme Ripper e do paulista Amaral Vieira.

De uma geração anterior a Lacerda é Luciano Gallet. Compositor, pianista, regente e folclorista, Gallet é um nome importante do Modernismo brasileiro, mas sua produção ainda é pouco difundida. Se talvez poucos conhecem sua envolvente canção Taieiras, é difícil acreditar que o mesmo ocorra com Luar do sertão. Parceria com letra do poeta Catulo da Paixão Cearense, Luar do sertão é um clássico do cancioneiro brasileiro, e é possível encontrar interpretações que vão do quase folclórico à música de câmara.

Esta primeira parte, que conta com a participação do pianista convidado Ricardo Ballestero, se encerra com duas obras de Edmundo Villani-Côrtes. Já na segunda, a voz cede lugar à música instrumental para piano e cordas, com peças do carioca João Guilherme Ripper e do paulista Amaral Vieira.