Nenhum resultado foi encontrado.
Confira os termos da sua busca e tente novamente.


Abaixo, alguns dos itens mais buscados:

Ops! Parece que algo saiu errado.
Ocorreu um erro ao fazer a busca.
Por favor, tente novamente em alguns instantes.
Mais buscados
Pintura a óleo em preto e branco de Bach, um homem com peruca encaracolada.

Voltar

Vikingur Ólafsson encontra Bach

Compartilhar
Víkingur Ólafsson
piano
Local: Sala São Paulo
Data: dom., 28 de abril de 2024
Horário: 18:00
Duração: 55 min.
Preço: R$ 39,60 a R$ 132,00
Adicionar ao calendário

Programa

JOHANN SEBASTIAN BACH Variações Goldberg, BWV 988

Prestes a completar 40 anos, o pianista islandês Víkingur Ólafsson tem experimentado um grande reconhecimento na carreira, recebendo prêmios e se apresentando com orquestras do porte das Filarmônicas de Los Angeles e de Berlim e a Concertgebouw, de Amsterdam.

Um de seus interesses tem sido a obra de Bach, e outubro de 2023 marca o lançamento de um álbum dedicado às Variações Goldberg pela Deutsche Grammophon. “Há 25 anos que sonho gravar esta obra”, afirma Ólafsson, que, entre 2023 e 2024, se dedica a uma turnê mundial tocando-a. Compostas provavelmente em 1741, as Variações Goldberg formam um conjunto para teclado composto a partir de uma ária, exposta logo no começo da peça, e seguida por 30 variações.

Afinal, por que as Variações Goldberg são ainda hoje tão cultuadas? Ninguém melhor do que o próprio Ólafsson para nos convencer de sua importância: “[elas] contêm algumas das músicas para teclado mais virtuosas já escritas, alguns dos usos de contraponto mais surpreendentemente brilhantes no repertório e incontáveis exemplos de pura poesia, contemplação abstrata e pathos profundo — tudo dentro de estruturas imaculadamente moldadas de perfeição formal. Em 30 variações, construídas sobre a humilde estrutura harmônica de uma ária simples e graciosa, Bach transforma material limitado em variedade ilimitada como nenhum outro, antes ou depois. Ele é o maior virtuoso do teclado de seu tempo”.